CONSELHEIRO EDILBERTO PONTES, PRESIDENTE DO IRB, PROFERIU PALESTRA SOBRE INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL NA AVALIAÇÃO DE POLÍTICAS PÚBLICA DURANTE O 3º ENCONTRO DA ASUR

A realização do 3º Encontro da Associação de Entidades Oficiais de Controle Público do Mercosul (Asur) teve início na manhã desta quinta-feira (11), tendo como anfitrião o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), sendo realizado na cidade de Foz do Iguaçu, com uma programação que se estenderá até sexta-feira (12).

Fabíola Bianco, Presidente da Asur e do Tribunal de Contas da Província de Missiones (Argentina), abriu o Encontro ressaltando a importância da integração entre as entidades de controle externo do Mercosul, no sentido de se elevar a eficiência ética do recurso público.

Na sequência, o Vice-Presidente do Tribunal de Contas do Estado do Paraná e de Relações Institucionais do Instituto Rui Barbosa, Conselheiro Ivan Lelis Bonilha, destacou que, há 25 anos, nesta mesma data e cidade, foi realizada a criação da Asur. Na oportunidade, o Conselheiro Bonilha agradeceu ao Vice-Governador do estado do Paraná, Darci Piana, por sempre estar disponível a recepcionar e apoiar os encontros voltados ao aprimoramento do controle das contas públicas.

Em sua fala, o Vice-Governador Darci Piana, ressaltou a importância dos Tribunais de Contas no exercício do controle dos gastos públicos, e destacou o trabalho e dedicação desempenhados pelo TCE-PR.

O Conselheiro Edilberto Pontes, Presidente do Instituto Rui Barbosa (IRB) e Vice-Presidente do Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE-CE), considerou em seu pronunciamento que o encontro reforça a importância das entidades atuarem em rede. “Para irmos bem, temos que atuar em rede, em cooperação, pois as Instituições são vivas e precisa dessas trocas de experiências para se manterem atuantes”, finalizou o Conselheiro.

 

Acordo de Cooperação Técnica

Durante o Encontro foi realizada a assinatura do Acordo de Colaboração Técnica e Científica entre o Instituto Rui Barbosa (IRB), o Instituto de Estudos Técnicos e Investigação (IETel) e a Associação de Entidades Oficiais de Controle Público do Mercosul (Asur), com o objetivo de realizar intercâmbio de informações, conhecimentos e experiências, bem como a realização de ações conjuntas.

 

Programação

A programação da tarde do Encontro iniciou-se com a exposição do Subcontrolador do Paraguai, Augusto José Felix Paiva, sobre o sistema de controle externo dos gastos públicos paraguaio.

Na sequência, foi compartilhado um diagnóstico do exercício do controle externo na Argentina, apresentado pelo Secretário Permanente dos Tribunais de Contas argentino, Martin Diaz.

O presidente da Atricon, Conselheiro Cezar Miola, em sua apresentação destacou a importância das novas tecnologias utilizadas pelos Tribunais de Contas para proporcionar uma melhor fiscalização preventiva nas contas públicas dos órgãos públicos.

Encerrando a programação deste primeiro dia, o Conselheiro Edilberto Pontes, Presidente do IRB, fez uma exposição acerca do uso da inteligência artificial e análise de dados (Big Data) na avaliação das políticas públicas.

Na sexta-feira (12), a programação do Encontro terá continuidade, a partir das 09h.

 

Homenagem

O Presidente do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), Conselheiro Fábio Camargo, recebeu duas homenagens, o diploma pelo apoio logístico dado ao evento e o título de “gaudérico”, entregue pelo Presidente do Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul (TCE-RS), Conselheiro Alexandre Postal. Foi homenageado, também, o Conselheiro Nestor Baptista, Decano do TCE-PR, por ser um dos fundadores da Asur.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Rolar para cima