IRB, STN E ATRICON REALIZAM ABERTURA DO TREINAMENTO EM PRÁTICAS DE AUDITORIA FINANCEIRA COM APOIO DO BANCO MUNDIAL

O Instituto Rui Barbosa (IRB) participou do lançamento do Evento de Treinamento em Práticas de Auditoria Financeira: conformidade com as IPSAS/MCASP/MDF, nesta terça-feira, 17/5 em plataforma virtual.

 

O treinamento é uma iniciativa do IRB, da Associação dos Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) e da Secretaria do Tesouro Nacional (STN), com o apoio do Banco Mundial.

 

A formação tem como objetivo oferecer meios para os Tribunais de Contas executarem auditoria financeira baseada nos Pronunciamentos Profissionais da INTOSAI (IFPP/INTOSAI) e Normas Brasileiras de Auditoria no Setor Público (NBASP), destinada à verificação dos procedimentos normalizados pelas International Public Sector Accounting (IPSAS), Manual de Contabilidade Aplicada ao Setor Público (MCASP) e Manual de Demonstrativos Fiscais (MDF), com a finalidade de criar ferramentas de enforcement (execução) com vistas à efetiva aplicação das normas contábeis e fiscais.

 

Na abertura o vice-presidente de Auditoria e presidente do Comitê Técnico do IRB, conselheiro Inaldo Paixão (TCE-BA), ressaltou o desenvolvimento da auditoria financeira e da contabilidade para o melhoramento da gestão pública, além de enaltecer a exitosa parceria entre as entidades de Controle Externo do Brasil em prol da informação e capacitação dos auditores.

 

O conselheiro Inaldo Paixão frisou, ainda, que o Brasil dispõe de normas relevantes para a auditoria financeira, com a adoção das regras da INTOSAI, bem como com a recente incorporação da Resolução n°03/2020 do IRB, que proporcionam um avanço nesta área.

 

Finalizando seu pronunciamento, destacou que neste ano o Brasil irá sediar a Assembleia Geral da Organização Internacional de Entidades Fiscalizadoras Superiores – INTOSAI, que terá o Brasil em sua presidência para o quadriênio de 2022-2025.

 

Os representantes da Secretaria do Tesouro Nacional, Heriberto Henrique Vilela Nascimento e do Banco Mundial, Susana Philomeno Amaral celebraram a parceria com as entidades do Sistema Tribunais de Contas e o papel orientador, possibilitando melhores escolhas dos gestores quando da aplicação dos recursos e implantação de políticas públicas.

 

Também participou da mesa de abertura virtual o conselheiro Celmar Rech, representando a Atricon. O conselheiro exaltou que iniciativas como a deste treinamento, auxiliam ao Sistema de Controle Externo em caminhar na direção do aprimoramento das finanças públicas do país.

 

O curso tem carga horária de 48 horas e será na modalidade remota.

 

O período de realização será de 17/05/2022 a 23/06/2022 e tem como público-alvo os auditores e técnicos dos Tribunais de Contas dos estados e municípios, que atuem diretamente na área de auditoria financeira.

 

Sobre a Resolução n°03/2020 do IRB.

 

A Resolução n°03/2020 do IRB reorganiza as Normas Brasileiras de Auditoria do Setor Público (NBASP) em grupos, incorpora à sua estrutura as Normas Brasileiras de Contabilidade Aplicáveis à Auditoria de Informação Contábil-Histórica Aplicável ao Setor Público (NBC-TASP) do Conselho Federal de Contabilidade (CFC).
Acesse o documento na íntegra.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Rolar para cima