REPRESENTANTES DA REDE INTEGRAR FORAM RECEBIDOS PELO PRESIDENTE DO INSTITUTO RUI BARBOSA EM REUNIÃO INSTITUCIONAL

Representantes da Rede Integrar foram recebidos pelo Presidente do Instituto Rui Barbosa, Conselheiro Edilberto Pontes, na sede do IRB, em Brasília-DF, para uma reunião institucional. Compuseram a comitiva da Rede, Nicola Khoury, Secretário-Geral Adjunto de Controle Externo do Tribunal de Contas da  União (TCU) e Coordenador da Rede Integrar e a Auditora Federal de Controle Externo do TCU, Renata Silveira Carvalho.

A pauta da reunião iniciou-se com a apresentação das ações que vêm sendo desenvolvidas pela Rede Integrar no âmbito da fiscalização de políticas públicas descentralizadas, com a exposição de um panorama das fases que compõem o projeto.

Também foi tratado na reunião a parceria do IRB no apoio ao programa “TCU + Cidades”, de iniciativa do Tribunal de Contas da União, que visa estimular a entrega de serviços públicos de qualidade por meio de uma maior aproximação com a realidade enfrentada pelos municípios na gestão da coisa pública.

Na oportunidade, o Conselheiro Edilberto Pontes, ressaltou a importância da atuação integrada entre a Rede e o Comitês Técnicos do IRB, com especial atenção aos temas voltados à educação, meio ambiente e o Pacto Nacional pela Primeira Infância.

Sobre a Rede Integrar

A boa execução de políticas públicas descentralizadas depende de integração e de coordenação entre os responsáveis.

No controle externo, ocorre o mesmo: nenhum ator, isoladamente, consegue acompanhar e fiscalizar o ciclo completo das políticas públicas que envolvem mais de um nível de governo.

Se os tribunais de contas trabalharem de forma integrada, poderão ser mais eficientes, contribuir para a melhoria dos serviços prestados à população, e gerar mais benefícios para a sociedade.

Programa TCU + Cidades

O Tribunal de Contas da União (TCU), preocupado com a melhoria da gestão municipal, desenvolveu o Programa de Apoio à Gestão Municipal Responsável – TCU+Cidades. A iniciativa busca estimular a entrega de serviços públicos de qualidade por meio de uma maior aproximação com a realidade enfrentada pelos municípios na gestão da coisa pública.

O objetivo do Tribunal com o projeto é, portanto, atuar de forma pedagógica e orientativa junto aos municípios brasileiros para contribuir com a qualificação dos gestores municipais e prevenir falhas que possam prejudicar o melhor uso dos recursos públicos.

Facebook
Twitter
WhatsApp
Rolar para cima