Ivan Gualberto do Couto

Ivan Gualberto do Couto

Advogado
Conselheiro

Ivan Gualberto do Couto, ex-presidente do Tribunal de Contas do Município de São Paulo, nasceu em 12 de fevereiro de 1923, em Itapecirica, Estado de Minas Gerais.

  • Casou-se com Dona Maria Lúcia Rolim Souto do Couto, em 26 de abril de 1950.
  • Cursou o Colégio Militar do Rio de Janeiro, mas não seguiu a carreira das armas, vindo a bacharelar-se em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito da Universidade do Rio de Janeiro.
  • Foi servidor público, admitido por concurso, do extinto Instituto de Aposentadoria e Pensões dos Comerciários, tendo exercido a função de Oficial de Gabinete , do Delegado Regional em São Paulo.
  • Na administração pública estadual, foi Auxiliar de Gabinete do Secretário da Saúde e Assistência Social (1953), tendo, ainda, sido consultor jurídico do antigo Departamento Estadual de Administração Estadual e, também, do Secretário da Viação e Obras Públicas, na ocasião o Brigadeiro Faria Lima (1959).
  • Integrou a Comissão Permanente do Risco de Vida e Saúde.
  • Foi Procurador do Estado, tendo representado a Fazenda na Procuradoria Judicial, sub- Procuradoria Fiscal de Campinas e na Procuradoria Fiscal da Capital.
  • Em 1961, foi colocado à disposição do Gabinete da Presidência da República, sendo que exerceu a função de Assessor Jurídico da Presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico, no Rio de Janeiro.
  • Foi Assistente Jurídico do Gabinete do Prefeito Municipal de São Paulo, Brigadeiro José Vicente de Faria Lima, cujo gabinete chefiou de 31 de maio de 1968 até ser nomeado Conselheiro do Tribunal de Contas do Município de São Paulo, em 16 de janeiro de 1969.
  • Militou também no foro da Capital, como advogado, tendo integrado a diretoria da Associação dos Advogados do Estado.
  • Em 1971, exerceu o cargo de Vice- Presidente do Tribunal de Contas do Município da Capital e, em 1992, foi eleito Presidente dessa Egrégia Corte.
  • Em 1982 presidiu o TCM SP e o IRB, onde foram promovidos e realizados várias capacitações conforme pode ser verificado no Relatório Exercício 1982 às páginas  16 a 18 e 31 a 35 anexo.
  • Em 1986 presidiu também o TCMSP e a parceria com o IRB continuou conforme eventos e capacitações  citadas no Relatório Exercício 1986  fls. 24 a 26 anexo.
  • Em 12 de fevereiro de 1993, apresentou-se pela compulsória como Conselheiro desse Tribunal.

Ivan Gualberto do Couto, que em 26 de abril de 2001 comemorou as suas bodas de ouro junto com as filhas, genros, netos e familiares, veio a falecer em 5 de janeiro de 2002. Deixou a esposa Maria Lúcia Rolim Souto do Couto, as filhas e genros, Regina Helena Couto Bastos casada com o Dr Paulo Negrão Bastos, Luciana Couto de Camargo Moraes, casada com Celso de Camargo de Moraes Neto, Zilah do Couto Zancaner, e os netos Fabíola Couto Bastos, Érika Couto Bastos, Theo do Couto de Camargo Moraes, Bianca do Couto Zancaner e Luiz Guilherme do Couto Zancaner.

Rolar para cima