Aconteceu

Conselheiro Domingos Taufner é entrevistado sobre o papel dos vereadores durante e pós-pandemia

ACONTECEUConselheiro Vice-Presidente do TCE-ES e Suplente da Vice-Presidência do IRB, Domingos Taufner, autor do livro “Manual do Candidato e da Candidata a Vereador (a)”, pela Editora Fórum, foi entrevistado pela revista A Gazeta (ES) nessa semana.

No jornal, o Conselheiro e também ex-vereador trata sobre o papel dos membros do Legislativo municipal, os desafios do mandato e a importância do cargo durante e pós-pandemia.

Acesse a entrevista completa aqui.

IRB participa de lançamento de campanha para fomentar Agenda 2030

Nesta segunda (19) o IRB participou da abertura do evento que marcou o lançamento da campanha “Mudar o Jogo: a agenda 2030 e as eleições municipais”, do Grupo de Trabalho da sociedade Civil para a Agenda 2030 que é uma coalizão que reúne 50 organizações e redes brasileiras que acompanham a implementação dos ODS no país.

A ação conta com financiamento da União Europeia e apoio da Rede ODS Brasil e da Frente Parlamentar Mista de Apoio aos ODS. Entre as atividades da campanha, além da publicação de material nas mídias sociais, como cards, vídeos e podcasts, estão previstos debates públicos virtuais sobre a importância da Agenda 2030 para os municípios, oficinas e disseminação de conteúdos de parceiros do GT Agenda 2030 que promovem os ODS no contexto eleitoral. (fonte: gestos.org.br)

Para Alessandra Nilo, coordenadora geral da Gestos e cofacilitadora do GT Agenda 2030, o ano de 2020 e a pandemia de Covid-19 escancararam as desigualdades sociais no Brasil e, nesse contexto, a maneira de se pensar a gestão pública e vida nos municípios precisa mudar.

“Mudar o jogo é isso, é adotar o desenvolvimento sustentável – aquele que pensa o presente e o futuro – como eixo central dos municípios. E, para tal, não precisamos inventar a roda: os ODS são esse guia que pode orientar plataformas políticas e, assim esperamos, inspirar eleitores e eleitoras na hora de escolher a quem dar o seu voto”, afirma.

“As pessoas precisam e podem voltar a acreditar que é possível, sim, mudar suas vidas a partir de escolhas conscientes nesse momento eleitoral. Ou seja, essa também é uma campanha sobre esperança no futuro”, completa.

Nelson Neto representou o Instituto Rui Barbosa e destacou o papel dos Tribunais de Contas na fiscalização da implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Social (ODS) e Agenda 2030. Em sua função, o IRB realizou diversas oficinas sobre os ODS para gestores públicos e controladores (saiba mais aqui).

X Bibliocontas

O Bibliocontas (Fórum Nacional dos Bibliotecários e Arquivistas dos Tribunais de Contas) consiste em uma rede de cooperação e intercâmbio dos profissionais da informação (bibliotecários, arquivistas, museólogos e áreas afins) atuantes em unidades de informação (bibliotecas, arquivos e centros de memórias) dos Tribunais de Contas e órgãos afins dos países de Língua Portuguesa e Mercosul.

ACONTECEU
Conselheiro Edilberto participou da Abertura do evento no dia 19.

Há cerca de uma década de existência, o BIBLIOCONTAS já produziu muitos resultados concretos como: os Tesauros de Contas Nacionais (saiba mais aqui), o Guia das Unidades de Informação Participantes (acesse aqui), o Portal do Acervo das Bibliotecas Integrantes da Rede Bibliocontas; Cartilhas sobre gestão documental nos Tribunais de Contas e a gestão de acesso à Coleção das Normas Técnicas Brasileiras.

A cada ano, a rede também realiza um grande evento para debater temas contemporâneos relacionados à gestão da informação. Neste ano, ante o contexto pandêmico, o evento ocorreu virtualmente, mas com o mesmo padrão de qualidade nos conteúdos.

Os Impactos da LGPD na gestão documental, o tratamento da informação dos atos normativos e utilização da catálogos eletrônicos, a organização da Jurisprudência no Controle Externo, Competência informacional, ações à distância, infodemia/desinformação e trocas de experiências com apresentação de cases de sucesso foram os temas abordados no evento.

Comitê de Gestão de Pessoas faz balanço do Encontro Nacional de Gestão de Pessoas

Na segunda (19) pela manhã, o Comitê de Gestão de Pessoas do IRB reuniu-se para avaliar os resultados da organização do X Encontro Técnico da Rede de Gestão de Pessoas dos TC’s do Brasil e I Encontro Virtual de Gestão de Pessoas dos TC’s do Brasil.

ACONTECEU

No balanço, os participantes discutiram os pontos positivos e pontos de melhora para o próximo encontro. De modo geral, entende-se que o resultado do trabalho é transformar, fazer com que a Gestão de Pessoas possa trabalhar em redes, compartilhando dificuldades, ferramentas para ultrapassá-las e boas práticas. O trabalho da rede de Gestão de Pessoas, impulsionado pelo IRB e ATRICON, são fundamentais para promover a Gestão de Pessoas e o aprimoramento da gestão de maneira geral.

O IRB parabeniza a organização e iniciativa da equipe do TCE-RS e TCE-AL no evento bem sucedido. Assista os paineis no canal TCE-RS. 

IV Seminário Internacional de Custos, Governança e Auditoria do Setor Público conta com participação e apoio do IRB

A abertura do IV Seminário Internacional de custos, governança e auditoria no setor público contou com participação e apoio do Instituto Rui Barbosa.

Dentre os temas debatidos no evento, estão as Experiências do Ministério de Educação do Paraguai; Resultados da Implementação do REAGBR – Relatório de Evidências Auditáveis de Custos de Gestão e Governança do Brasil e a Gestão e Governança na Saúde no Contexto da Pandemia da COVID 19.

O IRB foi representado por seu Diretor, o Cons. Severiano Costandrade, do TCETO, que também coordena a Rede de Governança.

Mais informações sobre o evento: acesso o site: https://www.reagbr.com.br

29ª CTCONF

Dos dias 20 a 23 de outubro aconteceu a 29ª Câmara Técnica de Normas Contábeis e de Demonstrativos Fiscais da Federação (CTCONF), que tratou dos seguintes itens de discussão:

  • Definição de Caixa e Equivalentes de Caixa
  • Matriz de Saldos Contábeis- MSC e Ranking da Qualidade da Informação no Siconfi
  • IPC de Benefícios Fiscais
  • Padronização de Fonte de Recursos
  • Aspectos Contábeis e Fiscais dos Precatórios
  • RPPS

Acesse aqui para assistir a transmissão das reuniões.

Em abril de 2020, representantes do IRB e a Atricon ocupam vagas na CTCONF e auxiliam na elaboração dos Manuais usados pelos contadores públicos. As entidades também criaram Grupo Técnico de Alinhamento, a partir do qual, para cada tema em pauta na CTCONF, é levantado o entendimento de cada Tribunal de Contas e, após debate, é encaminhado proposta de votação para o IRB e Atricon.

Confira as matérias do IRB que tratam sobre Benefícios Fiscais e a Importância da padronização das fontes na contabilidade pública, temas discutidos na 29ª CTCONF.

Competências Comportamentais do Auditor – Gestão das Emoções: a Competência da atualidade e do futuro

Desde 2018, o IRB, por meio das redes de Gestão de Pessoas (Comitê de Gestão de Pessoas) e das Escolas de Contas (Comitê de Aperfeiçoamento Profissional) trabalha no aperfeiçoamento de um quadro de competências baseado nas NBASP.

Em 2019, a Rede das Escolas lançou o Programa de Formação do Auditor de Controle Externo (acesse aqui) que utilizou como base as NBASP. Dentro deste programa, foram mapeadas diversas competências comportamentais do auditor como: julgamento objetivo, ceticismo profissional, zelo profissional, (auto) aperfeiçoamento, trabalho em equipe, independência, comunicação, integridade e ética profissional.

Ao final de 2019, a INTOSAI lançou um documento sobre as competências profissionais do auditor do setor público baseado em seus pronunciamentos profissionais. Este documento foi traduzido pelas Redes de Gestão de Pessoas e das Escolas de Contas (acesse aqui) e serviu de base para a convergência do quadro de competências profissionais adotado pela INTOSAI à realidade brasileira.

Mapa de competências para profissionais de auditoria do setor público em entidades fiscalizadoras superiores

O trabalho de convergência ocorreu no âmbito do grupo de trabalho do TCU, criado para desenvolver as trajetórias profissionais de auditoria e que teve a participação de representante das redes de gestão de pessoas dos TCs e das Escolas de Contas, e resultou no Quadro nacional de competências Profissionais de Auditoria, que tem como competências comportamentais: demonstrar profissionalismo, liderar pelo exemplo, comunicar-se com as partes interessadas, e contribuir com o valor gerado pelo Tribunal.

Um dos grandes desafios do setor de gestão de pessoas e de Escolas de contas é realizar ações para desenvolver competências comportamentais. Neste desafio, a Escola de Contas do TCMSP realizou uma palestra sobre a Gestão das Emoções que tem sido chamada de “a competência comportamental da atualidade e do futuro”.

Por buscar os mesmos objetivos de desenvolvimento de competências profissionais de auditoria, o evento do TCMSP recebeu a chancela do Fórum Nacional de Auditoria como uma das edições regionais deste evento.

A palestra foi proferida por Paulo Alvarenga que é consultor de desenvolvimento de T&D, lideranças, team building, comportamentais, mentoria e Coaching, é também autor de livros sobre o assunto.

Acesse a íntegra do evento aqui:

 

VII Fórum Nacional de Auditoria – NBASP e Contas de Governo

O Tribunal de Contas do Estado do Ceará, por meio da Escola de Contas Instituto Plácido Castelo (IPC), realizou em parceria com o Instituto Rui Barbosa (IRB) o VII Fórum Nacional de Auditoria de 2020 nos dias 22 e 23 de outubro. O tema da edição foi “Contas de Governo”.

Os Fóruns Nacionais de Auditoria são encontros técnicos entre palestrantes e profissionais do controle externo de diferentes regiões do país, para troca de experiências e aprofundamento de temas relacionados à auditoria do setor público. Este ano, devido à pandemia, esses encontros estão sendo realizados de forma virtual.

O objetivo principal dos eventos é capacitar o corpo técnico dos Tribunais de Contas de todo o Brasil na utilização das Normas Brasileiras de Auditoria do Setor Público (NBASP).

Confira abaixo os dois dias do evento:

 

Reunião do Grupo de Trabalho das ODS

Recém aprovada pela Assembleia Geral do IRB, a mais nova ação estratégica relacionada a Agenda 2030 começou a ser implantada.

Nesta sexta (23), o grupo de trabalho se reuniu para discutir a ementa dos cursos de capacitações que serão realizados. A proposta é realizar capacitações sobre fiscalização da Agenda 2030.

Confira a ementa preliminar do curso abaixo:

GT_IRB_Rede_ODS_Proposta_de_curso_de_formação_de_auditores

 

 

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Missão

“Promover a integração, o desenvolvimento e o aperfeiçoamento dos métodos e procedimentos de controle externo, aproximando instituições e sociedade, de modo a fortalecer ações que beneficiem a coletividade”

Visão

“Ser referência no conhecimento e na promoção da qualificação e da integração dos órgãos de controle externo”

Sede do IRB
Subsede – “Endereço para correspondências”
Rolar para cima